Evento aborda os avanços, desafios e tendências para subsidiar a elaboração do Plano Estratégico 2020-2023.

A Anvisa realizou, na segunda-feira (21/10), o Seminário Anvisa + 10, com o objetivo de tratar do planejamento estratégico da Agência. Na ocasião, foram discutidos os avanços, desafios e tendências para os próximos anos no campo da vigilância sanitária. 

Realizado no auditório da sede da Agência, em Brasília (DF), o evento contou com exposições e momentos de interação com o público. A mesa de abertura foi composta pelo diretor-presidente, William Dib, pelo diretor Renato Porto e por representantes do Ministério da Economia, do Senado Federal e do Tribunal de Contas da União (TCU).  

O secretário de Gestão do Ministério da Economia, Cristiano Heckert, parabenizou a iniciativa da Agência. “Dessa forma, a Anvisa sai na frente em um comando que todos os órgãos do Poder Executivo federal terão que fazer no início de 2020 para alinhar seu planejamento estratégico ao novo Plano Plurianual (PPA) e à estratégia nacional de desenvolvimento econômico e social”, disse Heckert.  

André Luís Paixão, auditor-geral do Senado Federal, ressaltou a importância do evento e do planejamento estratégico. “O planejamento tem o potencial de fazer a entidade agregar mais valor do que ela já agrega para a sociedade”, afirmou.  

Já Messias Trindade, diretor da Secretaria de Controle Externo da Saúde do TCU, realçou a importância do monitoramento. “É importante monitorar, saber o que está dando certo e o que não está, para onde quer ir, pois isso vai permitir a correção”.  

A programação contou ainda com duas mesas de exposição dialogada. A primeira debateu o tema “Olhar externo, transparência e participação social para subsidiar o alinhamento estratégico da Anvisa para o ciclo 2020-2023”. Já o tópico discutido na segunda mesa foi “Avanços, desafios e macrotendências para as ações de regulamentação, controle, monitoramento e fiscalização sanitária”.  

Com informações do portal da ANVISA (22/10/2019)