noticia-ANS

ANS realiza oficina sobre o Sistema de Indicadores Hospitalares

Evento apresentou o funcionamento do Sihosp aos hospitais cadastrados no Programa de Monitoramento da Qualidade Hospitalar

Agência Nacional de Saúde Suplementar (ANS) realizou, no dia 10/02, a oficina de operacionalização do Sistema de Indicadores Hospitalares (Sihosp). O evento online foi direcionado exclusivamente aos hospitais cadastrados no sistema e que atenderam aos critérios de participação no Programa de Monitoramento da Qualidade da Assistência Hospitalar na Saúde Suplementar – parte integrante do PM Qualiss. O objetivo foi demonstrar aos gestores hospitalares o funcionamento do Sihosp para auxiliá-los na hora de usar o sistema.

O diretor de Desenvolvimento Setorial substituto da ANS, César Serra, abriu o evento e ressaltou a importância da oficina: “Sem dúvida, esse evento faz parte de um objetivo maior que é a criação de uma cultura de aferição da qualidade do serviço hospitalar. A participação voluntária dos hospitais no programa já demonstra essa realidade”, declarou o diretor.

A coordenadora de Avaliação e Estímulo à Qualidade dos Prestadores de Serviço da ANS, Maria Inês Santos, explicou que o objetivo da Agência com este programa é disponibilizar instrumentos para que o setor possa melhorar a qualidade da assistência: “A melhoria da qualidade consiste em fazer com que o cuidado da saúde seja seguro, centrado no paciente, efetivo, eficiente, oportuno e equitativo”, disse. Para ela, a cadeia de valor em saúde, que inclui a regulação, só pode ser harmônica quando existe a cooperação de todos pela melhoria da qualidade. “Não adianta só a ANS estimular a qualidade se não houver a parceria de todos os participantes do setor”, destacou Maria Inês.

Sobre o Sihosp, a técnica em Regulação da ANS, Priscila Brasileiro, explicou que o sistema possui um módulo administrativo que permite o controle do envio das informações, o processamento automatizado dos indicadores e a demonstração dos resultados por meio de painéis de controle: “A finalidade é centralizar a coleta e o processamento dos dados informados pelos hospitais participantes do programa e, desta forma, aprimorar a regulação do setor suplementar no país”, esclareceu Priscila.

O evento reuniu gestores de 128 hospitais cadastrados no Sihosp. A oficina, dividida em duas partes, promoveu três palestras: sobre o Programa, o uso dos indicadores de qualidade hospitalar na gestão em serviços de saúde e a coleta e gestão de indicadores de qualidade hospitalar. Posteriormente, os participantes foram divididos em salas diferentes para monitoria e troca de experiências sobre os assuntos abordados nas palestras.

Com informações do portal gov.br (17/02/2022)

Últimas Notícias

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *